"Wagner Leis & Notícias" é o informativo que contém notícias e legislações que interessam aos trabalhadores, veiculadas pelos principais meios de comunicação do País. A sua elaboração é diária e a distribuição é realizada por e-mail aos clientes cadastrados.
O conteúdo e as opiniões manifestados nas reportagens são de responsabilidade das fontes citadas e não expressam, necessariamente, o posicionamento do escritório.

Instituições são condenadas a indenizar por atrasarem entrega de diploma

Instituições são condenadas a indenizar por atrasarem entrega de diploma

30 de Julho de 2014
O atraso na entrega de diploma resulta em condenação por danos morais quando há prova que isso resultou no impedimento de pagamento de adicional para o ex-aluno. Foi esse fato que baseou a condenação de uma empresa que oferece cursos de pós-graduação para indenizar ex-aluno em pouco mais de R$ 6 mil, conforme sentença proferida pela juíza Uefla Fernanda Duarte Fernandes, da 3ª Vara Cível de Mossoró (RN).
 
O ex-aluno acionou judicialmente duas instituições educacionais, parceiras na organização de cursos à distância. As empresas teriam assumido compromisso de expedir certificado de conclusão do curso três meses após a aprovação da monografia. Encerrado o trimestre de carência, o reclamante foi obrigado a aguardar mais oito meses pela entrega do documento.
 
Na condição de servidor público, o autor comprovou que a especialização lhe daria direito a um adicional sobre a remuneração. Alegou ainda que desde de dezembro de 2009 foi contratado como professor e que, apesar de deter o título de especialista, recebia salário de graduado, diante da ausência do certificado.
 
Decisão
 
Uefla Fernandes, em sua decisão, afirmou que o valor da indenização por dano moral deve garantir, à parte ofendida, reparação que lhe compense o sofrimento, bem como cause impacto suficiente para desestimular a reiteração do ato reprovável. Para a magistrada, não há dúvida de que o ex-aluno foi prejudicado pela falta de entrega oportuna do certificado.
 
Considerando o porte econômico do réu, aliada à situação financeira do autor, a juíza arbitrou em R$ 4 mil a condenação por danos morais. A indenização pelos lucros cessantes sofridos pelo ex-aluno ficou definida em R$ 2.062,50. A magistrada afastou a responsabilidade de uma das empresas, considerando que o atraso na entrega do certificado se deu somente pela falha de uma das promotoras do curso.
 
Fonte: Revista Consultor Jurídico
 
Leia mais
Concubina não tem direito à pensão por morte

Concubina não tem direito à pensão por morte

30 de Julho de 2014

A 1.ª Turma do Tribunal Regional Federal da 1.ª Região (TRF1) manteve sentença ...

Leia mais
Pós-graduação não relacionada com as atividades do cargo não gera adicional de qualificação

Pós-graduação não relacionada com as atividades do cargo não gera adicional de qualificação

29 de Julho de 2014

A 6.ª Turma do Tribunal Regional Federal da 1.ª Região (TRF1) entendeu que ...

Leia mais
Correspondência não entregue justifica nomeação de candidata aprovada em concurso dos Correios

Correspondência não entregue justifica nomeação de candidata aprovada em concurso dos Correios

29 de Julho de 2014

A 6.ª Turma do Tribunal Regional Federal da 1.ª Região (TRF1) determinou a ...

Leia mais
Banco é condenado por transferir valores da conta-salário para cobrir débitos

Banco é condenado por transferir valores da conta-salário para cobrir débitos

29 de Julho de 2014

O banco que faz transferências entre contas de um mesmo titular sem seu ...

Leia mais
Vedação da Lei 8.745/93 não se aplica a contratações em órgãos distintos

Vedação da Lei 8.745/93 não se aplica a contratações em órgãos distintos

29 de Julho de 2014

A vedação prevista no artigo 9.º, III, da Lei 8.745/93 (o empregado temporário ...

Leia mais
Alimentos provisórios são devidos até a sentença que os reduziu ou cassou

Alimentos provisórios são devidos até a sentença que os reduziu ou cassou

29 de Julho de 2014

Os efeitos de sentença exoneratória de pensão alimentícia não podem retroagir aos alimentos ...

Leia mais
Honorários advocatícios sofrem desconto de IR no mês do recebimento

Honorários advocatícios sofrem desconto de IR no mês do recebimento

29 de Julho de 2014

Quando uma pessoa consegue por meio da Justiça receber benefícios antigos da Previdência, ...

Leia mais
Adicional ionizante e gratificação de raio-X podem ser acumulados

Adicional ionizante e gratificação de raio-X podem ser acumulados

28 de Julho de 2014

O adicional ionizante e a gratificação por manejo de raio-x podem ser acumulados ...

Leia mais